Tricolor empata em Lages: 1×1

O Camboriú FC entrou em campo na tarde deste domingo, dia 14, para enfrentar o Internacional em partida válida pela 5ª rodada do Campeonato Catarinense da Série A. Jogando no estádio Vidal Ramos Jr., o Tio Vida, em Lages, o Tricolor saiu atrás, mas soube concentrar forças para buscar o empate e voltar da Serra com um ponto. Isac marcou para os donos da casa, enquanto Brasão, de pênalti, anotou para a Cambura.

O Tricolor agora tem 2 pontos na competição, e segue na 10ª colocação. O próximo compromisso do Camboriú é já nesta quarta, dia 17, contra o Criciúma. O palco da partida será o Robertão, em Camboriú, às 21h45min.

O jogo

A partida começou muito movimentada. Na saída de bola, Vitor Hugo lançou Thiago Silva, que brigou com a zaga e viu a bola sobrar para Brasão bater firme, para defesa de Neto Volpi. Aos dois minutos, foi a vez do Inter assustar com um chute de longe. E na sequência, logo aos 3 minutos, os donos da casa abriram o placar. Gustavo cruzou rasteiro para Isac, no segundo pau, apenas completar para o gol de Luiz Fernando: 1×0.

O Inter seguiu melhor na partida, porém sem criar chances claras, até os 30 minutos. A Cambura equilibrou o duelo e teve sua primeira grande chance aos 33, em jogada individual de Thiago Silva. O atacante driblou o marcado e bateu forte, obrigando o goleiro colorado a fazer uma grande defesa. Antes do intervalo, ainda deu tempo do Inter assustar de novo, em cabeçada de Isac na trave.

Nem bem começou a etapa final e o Tricolor teve mais uma chance de empate. Após bate-rebate na área, Thiago Silva errou a finalização e chutou para fora. O Inter assustava em algumas bolas na área, mas foi o Tricolor quem chegou ao gol. Aos 15 minutos, Thoni tentou cruzamento e o lateral esquerdo do Inter, James, parou a bola com a mão dentro da área. Aí é pênalti. Brasão foi para a bola e bateu firme, no meio do gol, para empatar. Foi o 15º gol do atacante com a camisa da Cambura, colocando-o junto com Junior no topo da artilharia do clube em toda a história.

No lance seguinte ao gol, quase a virada. Em contra-ataque, Aldair tocou para Brasão e recebeu novamente, dentro da área. Ele tocou na saída do goleiro, no capricho, mas ela caprichosamente saiu pela linda de fundo. Depois disso, o time da casa voltou a criar boas chances, e a Cambura assustava no contra-ataque. Nos dois últimos lances, duas chances claras. Primeiro, Marcelo Quilder perdeu a chance da virada em um contra-ataque. Depois, no último ato do jogo, após a expulsão do lateral Ari, bola na área da Cambura e Valdo Bacabal cabeceou para fora. Fim de jogo, 1×1.

Camboriú: Luiz Fernando, Thoni, Lucas Montelares, Vitor Hugo, Badé  (Ari); Duda (Chiquinho), Serginho Paulista, Eurico, Aldair; Thiago Silva (Marcelo Quilder) e Brasão. Téc.: Agenor Piccinin.

Foto: Nilton Wolff/Inter de Lages

Share Now

Related Post

Deixe uma resposta

Você precisa estar logado para inserir um cometário