Tricolor empata, mas chega vivo na última rodada

O Camboriú FC recebeu o Fluminense de Joinville na noite desta quarta-feira, dia 13, no Robertão, em partida válida pela oitava rodada do returno do Campeonato Catarinense – Série B 2017. Mesmo jogando em casa, o Tricolor não conseguiu repetir suas melhores atuações e acabou empatando em 0x0, com boas defesas do goleiro Paulo Roberto.

Com o resultado, a Cambura chega aos 28 pontos na classificação geral da competição, três atrás do Guarani, que empatou em casa com o Marcílio Dias e foi a 31. Para chegar às semifinais, o Tricolor precisa vencer o Jaraguá fora de casa, na última rodada, e contar com uma derrota do Guarani, que enfrenta o Barra no estádio Camilo Mussi, em Itajaí. Com essa combinação de resultados, o Tricolor empataria com o Bugre em número de pontos e vitórias, mas classificaria no saldo de gols. Hercílio Luz, Concórdia e Marcílio Dias já estão garantidos nas semifinais. A última rodada será realizada no domingo, dia 17, com todos os jogos iniciando às 15h.

O jogo

Precisando da vitória, o Camboriú iniciou o jogo com uma formação ofensiva. No aquecimento, o zagueiro Vitor Hugo sofreu uma torção e deu lugar a Darlem. O primeiro tempo foi de pouquíssimas chances para os dois lados. Na melhor oportunidade da Cambura, Guilherme cabeceou aos 23 minutos, mas o goleiro segurou firme.

O Tricolor voltou para a segunda etapa com Klysman e Jardiel nos lugares de Hyantony e Alex. No entanto, mesmo com proposta ofensiva e precisando da vitória, o Camboriú viu o Fluminense criar as melhores chances. Em três oportunidades, a Cambura contou com verdadeiros milagres de Paulo Roberto para manter o zero no placar. A trave também salvou o Camboriú em um chute forte do meia Neto. A melhor chance do Tricolor veio já aos 45 minutos, quando Cassio botou bola na área e ela acabou beijando o travessão. Renato Junior ainda parou contra-ataque com falta e acabou expulso. E foi isso: Cambura 0, Fluminense 0.

Camboriú: Paulo Roberto, Darlem, Renato Junior, Guilherme, Cassio; Mano (Renan), Jessé, Alex (Jardiel); Padu, Hyantony (Klysman) e Brasão. Téc.: Rodrigo Bandeira.

 

Share Now

Related Post

Deixe uma resposta

Você precisa estar logado para inserir um cometário